VIDRACEIROS IRÃO INSTALAR PAINÉIS SOLARES?

Tecnologia alemã de painel solar para fachadas pele de vidro será apresentada no estande da Alclean, na feira Glass South America

Já foram publicadas nesta revista duas reportagens sobre painéis solares e energia fotovoltaica. Nelas sempre foi comentada a possibilidade das vidraçarias passarem a comercializar e instalar os painéis que, na prática, se assemelham à montagem de fachadas. Agora essa possibilidade irá ficar ainda mais próxima com o lançamento de um sistema inédito pela Alclean, que será apresentado na feira Glass South America, que acontece de 9 a 12 de maio no São Paulo Expo Exhibition, em São Paulo.

Painéis solares em fachadas otimizam tempo de instalação

Segundo Sérgio Koloszuk, Diretor Comercial Alclean, ele diz: “os vidraceiros receberão habilitação para executar a obra com autonomia e competitividade, pois como a geração fotovoltaica é apresentada como um benefício adicional às instalações que já seriam realizadas, o valor gasto no upgrade do sistema terá sempre tempo de pay back reduzido em relação a outras técnicas.”

O lançamento na Glass acontece poucos meses depois da primeira fachada glazing Alclean, capaz de gerar energia elétrica ser concluída no Brasil. Com mais de 50 módulos do elegante painel fotovoltaico CX 85, da alemã Calyxo, a nova tecnologia está em exposição na fachada do imóvel comercial na Praia Brava, em Santa Catarina, na cor preta. O showroom conta com cerca de 40 m² de área com capacidade para gerar até 280 kW/h/m de energia. Através da apresentação do projeto, a distribuidora da tecnologia no país, espera cobrir mais de 15.000 m² de área com a venda de painéis até o final do ano.

O projeto aplicado na fachada da empresa especializada em impressão 3D Wishbox, é um demonstrativo do potencial da nova tecnologia aos futuros investidores que, agora, podem ver de perto o revestimento. Por meio dos painéis solares Calyxo, a solução em termos de design é capaz de gerar um volume considerável de energia. O cálculo que se faz é que em cerca de 30 meses, o investidor nos painéis de revestimento recupere a diferença de valor do vidro convencional para o vidro fotovoltaico.

Painéis solares pretos em revestimento unem o aspecto decorativo com a produção de energia

Os módulos do painel fotovoltaico Calyxo, aplicados à estrutura do Sistema Glazing Alclean, também chamam atenção pelo visual limpo e moderno, sem uso de molduras ou ferragens aparentes. “O revestimento trouxe uma mudança em termos de design para nossa loja de impressoras 3D. A possibilidade de mudar o layout para algo moderno, inovador e tecnológico, de acordo com os valores da empresa, ainda trouxe como vantagem  a possibilidade de reduzir o consumo de energia que é comumente alto pelo volume e uso intenso de equipamentos”, explicam os diretores da Wishbox Tiago e Rodrigo Marin.

Novas tecnologias permitem revestir toda a construção com painéis que produzem energia

 

 

TECNOLOGIA SUSTENTÁVEL NA CONSTRUÇÃO CIVIL

Com o foco na criação de produtos de alto valor agregado acessíveis aos vidraceiros, a solução em energia solar atende características de cidades verticais. No que diz respeito à geração de energia, o Calyxo possui melhor performance com a luz refletida, sendo ideal para dias nublados ou com maior incidência de chuvas, características do clima subtropical peculiar às regiões Sul e Sudeste brasileira. Além disso, transforma fachadas estáticas, com função estrutural e de design, em fachadas funcionais, que geram energia ao longo de sua existência.

Técnica será repassada às vidraçarias

 

 

Segundo a Agencia Nacional de Energia Elétrica (Aneel), atualmente o Brasil possui mais de 20 mil conexões de micro e minigeração de energia, com atendimento a 30 mil unidades consumidoras – e a necessidade de regiões com pouca área para a instalação de painéis.

Sergio comenta que as placas de telhado, geram mais energia do que as colocadas em fachadas verticais, porém perdem em competitividade quando a decisão pela colocação da fachada já está tomada. “Trata se da ideia do Já Que! Já que vai instalar a fachada, por que não gastar só um pouquinho a mais e torná-la geradora de energia por mais de 30 anos?”, destaca.

 

Vidraceiros que trabalham com fachadas de vidro ampliarão suas possibilidades de trabalho

 

“Esse será só o começo para o mercado do vidro”, comenta Sergio. Para ele as possibilidades para as vidraçarias, especialmente para as que já começaram a trabalhar com fachadas glazing, são imensas. “Para o vidraceiro, incluir a instalação de painéis fotovoltaicos em fachadas será mero detalhe, pois já tem parcerias com os arquitetos. Imaginem o potencial incrível para facilitar a venda e gerar possibilidade de se obter maior lucro para uma mesma rotina de trabalho”, finaliza. T&V 

 

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Compartilhe
Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp
Precisa de ajuda?